Como atrair e reter talentos em TI

Como atrair e reter talentos de tecnologia

(Last Updated On: 29 de maio de 2018)

Se você trabalha em uma empresa que precisa contratar equipes de TI, talvez já tenha se deparado com quão difícil é atrair e criar um processo seletivo para este tipo de perfil.

Isso porque a demanda do mercado por pessoas que trabalham com tecnologia é bastante alta, e elas têm várias oportunidades ao mesmo tempo, sendo que diversos fatores influenciam na sua decisão final.

Então, como fazer para atrair esses talentos para a sua empresa?

Conheça agora alguns pontos-chave que podem agilizar o processo de atração, e também veja como fazer com que o emprego que você está oferecendo seja a oportunidade dos sonhos para as pessoas que procura.

O que querem os profissionais de TI?

Como bem aponta Paulo Silveira no episódio Seleção e contratação de Times de tecnologia, do podcast Hipsters.tech, mesmo que a remuneração seja importante – como em qualquer outro emprego –, ela não é o fator mais importante quando as pessoas decidem se candidatar para uma vaga em TI.

Você talvez já tenha ouvido sobre os benefícios altamente competitivos que os gigantes da tecnologia, como Google, Facebook ou Adobe, oferecem para os seus funcionários, como um shuttle com Wi-Fi que transporta as pessoas até o escritório, o berçário no local de trabalho ou o buffet livre com comidas saudáveis.

Mas, acho que podemos concordar que empresas de pequeno ou médio porte nem sempre dispõem de orçamentos para competir com este tipo de vantagens, certo?

Como atrair e reter talentos em TI

Contudo, nas empresas escolhidas como melhores para se trabalhar pela Great Place To Work (GPTW), existem mais vantagens atraentes não financeiras para quem se interessa em trabalhar nelas.

Vamos agora mostrar alguns dos fatores cruciais para que a sua empresa também consiga atrair os melhores talentos para participar do seu processo seletivo e também para que, depois de escolhidos, fazer parte da equipe pelo maior tempo possível.

Desenvolvimento profissional e pessoal

Conforme o relatório Global Human Capital Trends 2017 da Deloitte, o aprendizado e o desenvolvimento profissional fácil e rápido no trabalho fazem parte do segundo fator mais importante para os funcionários.  

A possibilidade de crescimento não só é um fator determinante na hora de optar por se candidatar para uma vaga. O estudo Growth Opportunities Are Key to Employee Retention ressalta que as oportunidades de desenvolvimento dentro da empresa jogam um papel importante na retenção dos talentos.

É importante manter as pessoas sempre engajadas no trabalho, preparando desafios para enfrentar e proporcionando opções de aprender algo novo.

A GetNinjas é um ótimo exemplo disso: as pessoas, ao se interessarem em fazer uma mudança de área dentro da própria empresa, ganharam a oportunidade de se capacitar com cursos online e, depois de aprenderem o necessário para o novo cargo, fizeram a transição na carreira.

Conheça o case de sucesso da GetNinjas com os cursos online da Alura! Para acessar o material, clique aqui.

Inovação e responsabilidade por decisões

Dentro de muitas opções que os profissionais de TI tem na hora de procurar por um novo emprego, as vagas mais atraentes são as de empresas que trazem algo novo ou não comum.

A Universum realizou uma pesquisa sobre as preferências no emprego, perguntando aos estudantes de TI sobre as qualidades de um empregador em potencial. A inovação ficou em primeiro lugar, citada por 65,50% dos entrevistados.

Encorajar as pessoas a tomar decisões sozinhas na hora de desenvolver coisas novas é prioridade para o Mark Zuckerberg, CEO do Facebook. No podcast Masters Of Scale, ele até brinca: “Isso destruirá a empresa caso dê errado? Não? Então, deixe-os testarem aquilo!”.

Como atrair e reter talentos em TI

Também na Movile, empresa brasileira responsável pelos aplicativos de sucesso como iFood ou Sympla, a tomada de decisões e a responsabilidade pelo próprio trabalho são coisas incentivadas.

Os times na iFood são compostos por pessoas com conhecimento variado, chamados de squads, que possuem certa autonomia. Alexis, programador full-stack da iFood, explica: “Se algo der errado no nosso trabalho, a responsabilidade é do time. Claro, temos todo o apoio das pessoas que estão aqui há mais tempo, mas se você é responsável pelo deploy, isso fica com você.”

Opções flexíveis de horário e trabalho remoto

O horário flexível e home office tornaram-se uns dos benefícios não financeiros mais desejados por pessoas cujas tarefas não requerem presença física na empresa todos os dias.

A variedade de ferramentas colaborativas que possibilitam as pessoas a trabalhar em um projeto juntas sem estar efetivamente presentes no mesmo local possibilita repensar o ambiente corporativo.

Em cidades grandes, a própria locomoção ao trabalho torna-se um horário não produtivo e, por isso, a opção de home office ou horário flexível é atrativa. Da mesma forma, essas alternativas possibilitam, por exemplo, trabalhar sem restrições para os funcionários que cuidam de seus filhos.

Como atrair e reter talentos em TI

A Elektro, empresa ganhadora do prêmio Great Places To Work na edição brasileira, promove uma qualidade de vida com horários flexíveis e valorização da vida familiar.

Clima empresarial excelente, oportunidades de crescimento, boa qualidade de vida e horários flexíveis. Vale a pena para a carreira.”, avalia um ex-funcionário anônimo da Love Mondays.

A nova lei trabalhista abre espaço para facilitar essa relação entre colaborador e empregador. A disponibilização do home office ocasional ou integral pode ser considerada como uma vantagem competitiva, que destaca a sua empresa ante as firmas que possibilitam somente o trabalho presencial e sem possíveis mudanças de horário durante a semana.

Diversidade de pessoas no ambiente de trabalho

Quando há diferenças de idade, credo, gênero, etnia, educação ou bagagem cultural no ambiente de trabalho, as pessoas ficam mais engajadas e dispostas a irem além de suas responsabilidades formais, como revela a pesquisa do Harvard Business Review.

O ambiente de trabalho composto por pessoas com formações e backgrounds diferentes proporciona um espaço para troca de ideias e conhecimentos, e acaba se tornando uma ótima ferramenta para a retenção de talentos.

Aqui na Caelum, sempre se fala muito dos benefícios que a diversidade traz, pois cada pessoa enriquece de forma única os projetos desenvolvidos em equipe.

Atraindo e retendo na área de tecnologia  

Ter pessoas altamente qualificadas, ou até reconhecidas pela comunidade da área, trabalhando para a sua empresa e respirando a sua marca, é uma vantagem competitiva que consegue gerar uma imagem atrativa dela no mercado de trabalho, e assim fazer mais talentos se interessarem por fazer parte do time.

Nós, aqui da Alura e da Caelum, conhecemos a complexidade do processo, por isso elaboramos materiais que podem ajudar a sua empresa a ter sucesso com a seleção e a retenção do pessoal.

Quer contratar pessoas para os seus times de tecnologia? Acesse agora o eBook Como atrair e reter os talentos em TI: As lições das empresas eleitas como preferidas pelos colaboradores e coloque em ação pontos para fazer a jornada dentro da empresa mais atrativa, desde a contratação até a retenção das pessoas mais qualificadas profissionalmente – e sempre com um bom fit para o seu negócio.

Além do eBook, que conta com dicas das empresas de sucesso, temos o Guia prático para RH, que trata sobre o processo de contratação. Não deixe de conferi-lo também!

FIQUE POR DENTRO

Próximo ArtigoComo comparar objetos no Python?