Estudar todos os dias, e o que mais? As dicas do Aluno Alura Eduardo Branquinho

(Last Updated On: 22 de maio de 2017)

Mais uma vez temos o depoimento de um aluno nosso! Eduardo Branquinho conta um pouco como a Alura ajudou ele a conseguir seu atual emprego como desenvolvedor.

Me chamo Eduardo de Medeiros Branquinho. Sou formado em Análise e desenvolvimento de sistemas pela FATEC – IPIRANGA. Atualmente, moro em São Bernardo do Campo – SP.

No dia em que escrevi este depoimento, era Desenvolvedor Java Júnior, mas já na segunda-feira seguinte, comecei em um novo emprego como Desenvolvedor Java Júnior 2.

O que faz no seu tempo livre?

Gosto muito de assistir séries, jogar algum game, programar, sair de final de semana pra comer fora. Também jogo xadrez aos sábados de manhã no clube da minha cidade, porque se é para ser nerd, que seja direito =D

O que você estuda?

Dentre outras coisas, o que mais gosto de estudar é programação back-end em Java.

Antes da Alura, nunca tinha feito cursos online. Passei a fazer porque a plataforma me passou confiança por ser administrada pelo pessoal da Caelum, que é uma galera super fera.

Qual a sua maior dificuldade nos estudos?

Eu diria que é a disciplina, porque quando se faz um curso presencial, você precisa estar presente quando a aula começa.

Se o curso é sábado as 9h, sábado as 9h você precisa estar lá. Já no curso online, você pode fazer quando quiser – o que é ótimo, claro – mas pode acabar caindo naquela situação do “daqui a pouco eu começo”; “hoje não deu, mas amanha eu estudo”; “quer saber, vou deixar pro final de semana”.

Teria alguma dica pra driblar essas dificuldades?

Estude todos os dias. Ainda que seja uma aula de 10 minutos, porque isso acaba criando o hábito.

Quando você faz esse estudo diário, torna-se tão automático que você até se sente mal se for pra cama sem ter visto uma aula.

E não comece fazendo algo que você adora antes disso. Se eu, por exemplo, chego do trabalho e vou jogar meu game favorito, a força que eu terei que fazer para sair dele e estudar será gigante. Então faça do estudo sua prioridade, antes de qualquer hobby.

Já desenvolveu algum projeto usando algo que aprendeu na plataforma?

No meu emprego atual, sou o único desenvolvedor. Desenvolvi aqui um projeto do zero, usando conhecimentos adquiridos na Alura.

Exemplo: Me pediram pra fazer uma integração em SOAP. Nunca tinha sequer mexido nisso. Corri pra Alura na noite deste dia, vi aulas sobre o assunto, peguei uma boa noção (poxa, agora sei o que é aquele wsdl que o cliente mandou!) e resolvi a integração! =D

Em que empresa conseguiu seu novo emprego

No Hipsters.jobs consegui um emprego em uma empresa de desenvolvimento chamada Bluesoft. Tanto no desafio técnico quanto na entrevista usei diversas coisas que aprendi na Alura, como Spring, JPA, Git, Java 8 e tudo mais.

Já aproveitando o gancho, tirei uma certificação da Oracle de Java 8 no ano passado só estudando pela Alura na carreira de certificação que aposto que ajudou meu CV a ganhar uma visibilidade melhor ainda.

Alguma dica para seus colegas desenvolvedores?

Crie o hábito de estudo! Não pense que “poxa, só tenho 15 minutos, nem compensa estudar, pouco tempo”. Uma aula de cinco minutos já pode te passar um conhecimento bem bacana.

Outra dica seria para você se jogar na sua profissão. O que que quero dizer com isso? Se você é um programador PHP, não apenas programe em PHP no trabalho.

Veja uma aula de PHP a noite, faça um programinha de final de semana, leia blogs sobre o assunto, vá a palestras, leia livros no ônibus. Entre de cabeça na área. Isso ajuda muito, você realmente se sente no meio, integrado com a programação. Claro que este exemplo serve para qualquer outra área, seja de devops, front-end, ux e tudo mais. 🙂

Curtiu o relato do Eduardo? Você pode compartilhar o seu também! Entre em contato conosco através do contato@alura.com.br

FIQUE POR DENTRO

Próximo ArtigoPor que um designer deve se manter atualizado sempre?