Vai trabalhar com fotografia? Então conheça essas dicas

(Last Updated On: 26 de setembro de 2017)

Está interessado em trabalhar com fotografia? Quer se tornar um fotógrafo e fazer bons cliques? Você já deve ter percebido que desenvolver um trabalho atraente e de qualidade não é uma tarefa fácil. É necessário treino, tempo e, acima de tudo, ser apaixonado pela profissão.

No post abaixo, enumeramos algumas dicas para quem está começando nessa carreira. Pare tudo o que está fazendo e leia agora mesmo!

1. Esteja sempre aberto ao novo

Em todos os momentos da sua vida, é sempre bom ver o mundo como um aprendiz e estar aberto às novidades. Procure basear o seu trabalho em algum profissional que você admira. Peça as opiniões dele, mande suas dúvidas e troque ideias. Mesmo que ele seja de outro país, o Google Tradutor pode ajudar você nessa tarefa, certo? Aproveite as facilidades da tecnologia para conhecer o trabalho de outros profissionais da fotografia.

A humildade é fundamental em qualquer profissão, por isso, reconheça as suas habilidades, mas tenha sempre em mente o que pode e deve ser melhorado. Para isso, faça cursos e procure sempre se aprimorar na carreira. Além disso, procure sempre conhecer a fundo o seu equipamento. No caso da máquina fotográfica, procure fotografar nos diversos modos que ela apresentar, dando preferência ao manual, para conhecer melhor as suas habilidades. No celular, busque conhecer os modos que ele apresenta e veja qual o melhor para o seu estilo.

2. Treine bastante e sempre

Pense em todos os seus amigos. Perceba o quanto eles são diferentes e cada um tem uma beleza única. Que tal presentear eles com um ensaio fotográfico? Você poderá treinar seus recursos fotográficos de forma abrangente e confortável, e a intimidade entre vocês vai favorecer o momento.

Construa um conceito legal, busque uma locação bacana e vá com tudo! Aproveite datas festivas e sugira ensaios temáticos — essa ação vai aumentar a exposição do seu trabalho, além de possibilitar a montagem de um portfólio bacana, tanto para você, fotógrafo, quanto para seus amigos modelos. Além disso, festas infantis na família, viagens, seu quintal — tudo pode servir para você treinar o seu olhar.

3. Invista em aprendizado

Antes de tudo, procure estudar um pouco de como funciona a fotografia, as ferramentas disponíveis, as funcionalidades da câmera ou como controlar o resultado que esperamos na fotografia final. 

Por exemplo, saber as diferenças entre diafragma, obturador e ISO é essencial. Estes são os conceitos mais básicos para entendermos um pouco melhor o resultado que teremos.

Se você for trabalhar com celular, saiba antes se ele tem ferramentas parecidas com essas.

Tente tirar algumas fotos para treinar. Além disso, pode ser bom investir em cursos online, se você não tem muito tempo. Atualmente existem muitos cursos bons e baratos de fotografia com os quais você pode aprender com praticidade e qualidade.

4. Fotografe bastante

O tempo para desenvolver o olhar fotográfico depende de cada pessoa. Entretanto, se você tiver uma boa câmera — profissional ou não — ou, até mesmo, a do seu celular, já dá para começar a treinar. Faça experimentos com lentes, zoom, tempo de exposição, brinque bastante com as luzes e formas e conheça o seu material de trabalho a fundo.

Use sempre uma mesma câmera, para você se familiarizar com ela, mas invente, ouse e procure novos ângulos, lentes e lugares. É ótimo saber dominar a técnica que é necessária para o seu estilo. Saber exatamente como calcular a distância perfeita do objeto e qual será o resultado disso faz uma enorme diferença.

Mesmo que você queira fazer fotos do seu celular, o seu olhar deve ser treinado do mesmo jeito. Fique atento!

5. Trabalhe a composição e a luz

Sabe a regra dos terços? Ela é fundamental para quem está começando no mundo da fotografia conseguir compor uma foto de forma harmônica.

A regra se baseia em linhas que dividem a composição em terços na horizontal e na vertical e que dão referências para a composição das imagens. Com o tempo, você fará isso automaticamente, mas enquanto não pega o jeito, tente dividir, mentalmente, a imagem que você quer fixar em três partes iguais e fotografe.

Agora vamos pensar na luz: pode ser natural, como o sol, ou artificial, como lâmpadas incandescentes e de led. Procure sempre iluminar bem sua foto, independentemente da luz utilizada.

Antes de fotografar, observe a intensidade e a distância da luz para a pessoa ou objeto que deseja registrar. Isso interfere diretamente na imagem que você quer fazer.

Luzes mais fortes e diretas tendem a gerar sombras mais contrastadas e marcadas. Um bom exemplo é a luz do sol ao meio-dia. Ela é bem intensa e pode auxiliar ou prejudicar as suas fotos. Por isso, fique atento a esses detalhes.

6. Varie o local de trabalho

Procure explorar melhor esse ramo e comece trabalhando de forma individual. Lógico que alguns fotógrafos preferem exercer seus serviços para uma empresa como um profissional contratado, mas se esse não for o seu foco, você poderá facilmente trabalhar como um fotógrafo freelancer, prestando serviços por conta própria a várias pessoas.

Assim, é possível oferecer seu trabalho de forma independente para vários clientes diferentes sem ter nenhum vínculo com eles. Nesse caso, a melhor forma de ser visto é fazer uma autopromoção, pois assim será possível encontrar potenciais clientes e trabalhar com fotografia.

Procure fotografar cenas simples e do seu cotidiano, como crianças brincando no parque, a natureza em um final de semana e seus amigos se divertindo. Isso tudo pode gerar boas imagens para você começar a sua carreira. Não necessariamente essas imagens vão ser o seu portfólio pra sempre, mas elas vão te auxliliar a conhecer a camera melhor e assim saber as possibilidades que pode se obter. Logo logo voce conhecerá o seu estilo e poderá apresentar um portflólio bem trabalhado com base nos cursos que fez e em todo o conhecimento que foi adquirindo fotografando as cenas simples do cotidiano.

Como você pode ver, para começar a trabalhar com fotografia não é necessário ter equipamentos sofisticados ou fazer cursos no exterior. Basta ter disposição, disciplina e, é claro, um grande amor pela profissão!

Gostou dessas dicas? Quer ler mais conteúdos interessantes? Então assine a nossa newsletter e fique sempre por dentro das novidades do mundo por trás da câmera!

 

 

Fique por dentro

Editor de vídeo na empresa Alura e fotógrafa na empresa https://www.instagram.com/pamelalimafotografia/

Próximo ArtigoHábitos de estudo, que carreira seguir?